O ano começa e eis que surge uma ótima notícia para quem aprecia o cinema nacional, sobretudo os títulos clássicos. A Cinemateca Popular Brasileira, com base no Dicionário de Filmes Brasileiros, de Antônio Leão da Silva Neto, e nos catálogos da ANCINE (2002-2013), disponibiliza, por meio de um canal criado na plataforma YouTube, mais de mil filmes nacionais – 1235, para ser mais preciso. Trata-se de um rico acervo que reúne produções de mais de cem anos de cinema brasileiro (clique aqui e confira).

Os títulos disponibilizados chegam justamente no período de férias – e, se você está com um tempinho livre, faça um favor a si mesmo e dê uma fuçada, certamente irá achar algo interessante. No canal criado é possível filtrar as buscas por gênero e, inclusive, por diretor, o que dá acesso a obras de cineastas importantes como Glauber Rocha e Walter Lima Júnior, entre muitos outros.

Valorizar a memória de produções artísticas nacionais é ampliar o contato com a história do próprio país, e assim compreender melhor as articulações identitárias e culturais que permeiam o imaginário brasileiro. Até porque, para entender o presente é preciso conhecer o passado, pois inúmeras vezes ele é revisitado fazendo emergir erros e acertos de outrora – em especial nos âmbitos social e político.