Festival movimentará as cidades de Montreal e Toronto no mês de novembro
Começa nesta quinta-feira, dia 1º de novembro, na cidade canadense de Montreal, a 7ª edição do Brazil Film Fest, festival inteiramente dedicado à produção audiovisual brasileira recente, sem distinção de gênero. O evento movimenta a cidade até o dia 7 de novembro, e segue, entre os dias 28 de novembro e 1º de dezembro, para Toronto, também no Canadá.
Na programação de Montreal, serão exibidos 19 longas nacionais, como os premiados “Gonzaga – de pai pra filho”, de Breno Silveira, que abre o evento, “O som ao redor”, de Kleber Mendonça Filho, “Vendo ou Alugo”, de Betse de Paula, e “Uma história de amor e fúria”, animação de Luiz Bolognesi; os recém-lançados “A batalha do passinho”, de Emílio Domingos, e “Serra Pelada – a lenda da Montanha de Ouro”, de Vitor Lopes; sucessos de público como a comédia “Minha mãe é uma peça”, de André Pellenz. Também fazem parte da programação “Tainá – a origem”, de Rosane Svartman; “Chamada a Cobrar”, de Anna Muylaert; “A floresta de Jonathas”, de Sérgio Andrade; “Flores Raras”, de Bruno Barreto; “À beira do caminho”, também de Breno Silveira; “Entre Vales”, de Philippe Barcinski; a coprodução brasileira em parceria com Argentina e França “Juan e a Bailarina”, dirigida por Raphael Aguinaga; “Olga”, de Jayme Monjardim; e os documentários “Armados”, de Rodrigo Mac Niven, “Tropicália”, de Marcelo Machado, “A memória que me contam”, de Lucia Murat, e “Margaret Mee e a Flor da Lua”, de Malu de Martino.
Destes, 10 filmes seguem para a edição do Brazil Film Fest em Toronto, que conta ainda com as presenças dos diretores Breno Silveira, durante as sessões de “Gonzaga – de pai pra filho” e “À beira do caminho”, e Raphael Aguinaga, diretor de “Juan e a Bailarina”.
Em Montreal, o festival acontece no Cinema du Parc, e em Toronto, no TIFF Bell Lightbox. Para saber mais sobre o festival, horários das exibições e compra de ingressos, acesse o site oficial do Brazil Film Fest.
Fonte: http://bit.ly/1cu0IdL