Edital lançado pelo Ministério da Cultura seleciona trabalhos artísticos-culturais para exibição durante o período do evento. As inscrições vão até o dia 23 de setembro
cultura2014
Estão abertas até o dia 23 de setembro as inscrições para o concurso Cultura 2014, promovido pelo Ministério da Cultura, destinado à seleção de trabalhos artístico-culturais a serem apresentados durante a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014, entre os dias 10 de junho e 15 de julho do ano que vem. O concurso selecionará mais de 200 trabalhos em diversas áreas, incluindo produção audiovisual. Segundo a Ministra da Cultura, Marta Suplicy, a ideia do concurso é deixar um legado de imagem para o país, ajudando a difundir a diversidade da cultura brasileira durante o período de realização do evento.
O Cultura 2014 prevê investimentos em quatro eixos do pilar Conteúdos Culturais, do Plano de Ação do MinC para Grandes Eventos: Brasil Criativo, que engloba atividades ligadas à economia criativa, como moda, arquitetura, design e gastronomia; Brasil Diverso, que abarca manifestações tradicionais, atividades entre Pontos de Cultura e valorização do patrimônio; Brasil das Artes, que contempla exibições artísticas nas áreas de música, teatro, circo, dança, literatura e artes visuais; e Brasil Audiovisual, que apoiará 12 produções inéditas com 26 minutos de duração, de ficção ou documentário, oriundas de todas as regiões do Brasil (serão contemplados ao menos dois projetos por região), com o valor de R$ 95 mil, cada, num total de R$ 1,14 milhões. As obras audiovisuais produzidas com recursos do Cultura 2014 devem ser entregues até o dia 7 de abril de 2014, e suas exibições ocorrerão nas cidades-sede da Copa: Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), Porto Alegre (RS), Salvador (BA), Recife (PE), Natal (RN), Cuiabá (MT), Brasília (DF), Manaus (AM) e Fortaleza (CE).
As inscrições para o concurso Cultura 2014 devem feitas exclusivamente pelo sistema SalicWeb, disponível no site do Ministério da Cultura. Podem participar pessoas físicas e jurídicas de direito privado, com ou sem fins lucrativos, e grupos não constituídos juridicamente. Os projetos de audiovisual devem incluir proposta de direção (no caso de animações, deve incluir também um storyboard), comprovação do currículo do diretor, roteiro (caso o projeto seja de documentário, basta o argumento detalhado segundo o item 3.21.4.5 do edital), Declaração de Autoria Própria, cópia do certificado ou protocolo de requerimento do Certificado de Registro do Roteiro, emitido pela Fundação Biblioteca Nacional – FBN, e cartas de anuência dos responsáveis pelos espaços previstos para serem utilizados como locações, caso haja. Os projetos serão avaliados segundo critérios de qualidade, qualificação da equipe, transversalidade (capacidade de abranger diferentes linguagens, setores, áreas ou segmentos culturais) e mobilização, articulação e intercâmbio entre grupos / artistas de diferentes regiões e municípios do país.
Fonte: http://bit.ly/16fCVPa