COMO ESCOLHER A CÂMERA CERTA

Hoje em dia, com a entrada dos modelos digitais e tantas marcas disponíveis, fica cada vez mais difícil decidir qual câmera filmadora escolher. Antes de descobrir qual levar para casa é preciso entender seus diferentes formatos digitais e saber o que é importante encontrar em uma filmadora.

Mini DV

O formato de gravação Mini DV foi o primeiro modelo digital lançado para uso doméstico e atualmente não existem tantos no mercado. Utilizam fitas bem menores que as antigas VHS-C, tornando as câmeras menores e mais leves. Cada fita armazena 60 minutos de vídeo, com 520 linhas horizontais de resolução, uma qualidade semelhante à do DVD.

Com fitas adaptadoras a gravação pode ser assistida no vídeo cassete, e já é possível transferir as gravações para o computadorpor meio de cabo USB ou firewire. Uma filmadora Mini DV é ideal para quem tem video cassete em casa e quem ainda não se entende muito bem com o DVD.

DVD

DVD é o formato mais vendido na América Latina, pois grava diretamente em mídias de DVD-R/RW, DVD+R/RW ou DVD-RAM que podem ser reproduzidas em qualquer DVD player ou PC. Funciona bem para gravações caseiras, como aniversários, casamentos e viagens, pois basta pegar o DVD gravado e assistir, sem depender do computador.

Cartão de memória

Cada vez mais populares, os cartões de memória podem ser encontrados com diferentes capacidades de armazenamento. A principal vantagem das filmadoras que dispõe deste formato é seu tamanho, pois pesam 330g em média. Além disso, é possível gravar e apagar os vídeos através da própria câmera e os cartões podem ser lidos diretamente em alguns computadores ou leitores externos, como acontece com os cartões de memória das máquinas fotográficas. Esse tipo de filmadora é bom para quem grava muitas imagens, mas com curta duração.

HDD

Já as filmadoras chamadas HDD (Hard Disk Drive) são as que possuem gravação em disco rígido, não precisando de nenhuma mídia externa, como cartões de memória, DVDs ou fitas. Para se ter uma idéia de qual tamanho de HD escolher, um HD de 60GB pode armazenar até 45 horas de vídeo, enquanto um de 80GB pode durar 60 horas. Esse tipo de câmera depende de um computador para passar seu conteúdo para uma mídia, mas pode ser conectado a uma TV sem problemas. Essa filmadora é perfeita para gravações longas e para quem busca mais recursos.

HDV

A última inovação em filmadoras domésticas é o HDV, vídeo de alta definição. Os modelos são capazes de gravar em 720p de alta definição ou vídeo de 1080i e alguns podem até mesmo gravar e reproduzir ambos, tendo HD e vídeo de definição padrão gravados em uma fita de Mini DV padrão. Com o crescimento das vendas de TV digital, esse formato tende a se tornar cada vez mais acessível.

Digital8

O formato final das filmadoras digitais é o Digital8, formato fabricado apenas pela Sony até então, que grava digitalmente para Hi8analógico e fita 8mm padrão e garante uma qualidade melhor de som e imagem, se comparada às gravações analógicas em 8mm.

Além do formato, outras características devem ser levadas em conta na hora da escolha, como a tecnologia CCD (Charge-Coupled Device), que serve para separar melhor as imagens que são captadas, em pixels. Isso torna a reprodução mais clara e com cores mais vivas, especialmente em ambientes de pouca luminosidade. Por isso, quanto maior a quantidade de CCDs e pixels, mais nítida será a imagem.

Avalie também o tempo de duração da bateria, estabilização da imagem – independente do tripé – e quais são as condições de visualização da tela em ambientes externos, principalmente com pouca luminosidade. O zoom, tanto óptico quanto digital também deve ser analisado. Quanto maiores os valores, melhor.

Assim, os principais pontos a serem observados são:

Antes de comprar uma filmadora: tenha em mente o tipo de imagem de que você precisará, ou seja, a mídia na qual deverá filmar. Se o seu objetivo é assistir ao material direto, sem edições, o melhor seria uma filmadora que já grave as imagens em DVD. Assim, você só terá o trabalho de tirar o DVD da filmadora e colocar no DVD player ou no computador.

Agora, se você precisa editar as imagens: uma dica é buscar mídias que facilitem o processo de edição, indispensável para que você as altere no computador.  A parte mais chata do processo de edição para muitas pessoas é justamente o tempo que se leva para passar as informações da filmadora para o computador.

Se você não tem tempo a perder: uma boa opção é uma filmadora que filme em memory stick (cartão de memória), o que agiliza a transferência para o computador. Você pode ainda optar por um formato mini DV, que armazena as imagens de forma mais compacta. Algumas câmeras possuem HD interno, o que também facilita a edição, já que não necessita de mídia. Geralmente é só plugar a câmera no computador e a transferência é feita diretamente.

Você sabe o que é Full HD?

O sinal analógico, aquele que é transmitido na maioria dos televisores atualmente, tem a resolução de 640 x 480 pontos, sendo essa a capacidade máxima de pontos que a imagem contém num sinal analógico.

Sua definição, por outro lado, é a quantidade de linhas que são exibidas na tela a cada quadro. Ainda assim, o sinal analógico perde muito de sua resolução durante a transmissão. Portanto, temos a imagem com poucos detalhes, cores não tão nítidas e aquele visual semelhante as antigas fitas VHS.

Já o sinal digital alcança até 1920 x 1080 pontos. Um sinal limpo, sem imagens duplas, com um nível de detalhes impressionante e cores vivas. Portanto Full HD é a maior resolução que um sinal pode chegar até você.

O que fazer com uma câmera Full HD?

Então, com uma câmera Full HD na mão e uma TV Full HD na sala, você pode capturar os mínimos detalhes dos seus momentos e reproduzi-los com a maior fidelidade possível. Vídeos em alta definição possibilitam 4,5 vezes mais resolução de imagem.

Você vai sentir a diferença nos detalhes que antes passavam despercebidos. Flores, a água, os sorrisos e até maquiagens exageradas ou rachaduras em uma parede, saltarão aos olhos com vivacidade nunca antes vista.

E você pode usar a própria câmera como player de suas imagens, conectando-a via cabo HDMI em sua TV Full HD ganhando em praticidade e qualidade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s