FUNÇÕES NO MUNDO DO CINEMA – DIRETOR

por Jorge Monclar

Em cada século da história da humanidade determinadas ocupações profissionais tornam-se necessárias e conseqüentemente estas especialidades são as mais procuradas pelos jovens que se inserem no mercado de trabalho. O próximo milênio será o da Imagem e do Som.

Entre as indústrias que mais produziram riqueza neste final de século e no que se inicia estão: a bélica, a petrolífera, a automobilística e a do entretenimento (onde o cinema é a principal atividade). O que distingue o cinema das demais indústrias é a dependência direta que tem com o homem, independendo da automação, é uma indústria não poluente, sem chaminés, geradora de empregos, possuindo um amplo espaço no mercado mundial para expandir-se.

Além de todos esses pontos favoráveis, cinema é a atividade da indústria cultural que retrata a identidade cultural, salvaguarda a língua e aproxima os povos descompromissadamente e sem preconceitos. Todos os parques industriais cinematográficos atualmente existentes no mundo produzem apenas 1/3 das imagens demandadas em todo o nosso planeta.

O Brasil atinge apenas 3% do seu próprio mercado e tem espaço de 70% para crescer e tornar sua produção exportável, permutando dentro de um critério de reciprocidade com outras cinematografias nacionais em desenvolvimento. Uma indústria cinematográfica nacional se sustenta com uma cultura múltipla e forte como a brasileira e uma mão-de-obra técnico-artística qualificada e identificada com seu país.

Descubra o mundo do cinema e da televisão! Verifique a seguir quantas funções são necessárias para uma equipe de cinema realizar um filme. E escolha a sua profissão para o próximo milênio.

Diretor de cinema/Cineasta ou Videasta

É o profissional que transforma um roteiro literário adaptado de uma obra anterior ou não, fato verídico ou totalmente ficcional, em imagens cinematográficas, com a participação de uma equipe de vários especialistas técnico-artísticos, narrando a sua história em curta ou longa duração para ser projetada em salas de cinema, emissoras de televisão ou quaisquer meios de exibição que venham a ser inventados. O seu trabalho consiste em participar de todos os preparativos: escolha de elenco, de locações ou cenários, figurinos, textura fotográfica, trilha sonora, efeitos especiais, detalhamento plano a plano e planejamento das filmagens. Durante as filmagens, ensaia e dirige os atores nas cenas previstas no roteiro seguindo o planejamento aprovado anteriormente com o diretor de produção do filme. Em uma equipe, ele é o líder criativo do processo, orquestrando o andamento das demais funções. Concluídas as filmagens, participa da finalização técnico-artística do filme. Assiste aos copiões (filmes revelados e copiados em estado bruto) e, em seguida, dirige os trabalhos de montagem dos planos realizados fracionadamente numa narrativa contínua. Nesta etapa, escolhe a trilha musical e possíveis efeitos de laboratório ou estúdio de som. Quando todas as pistas sonoras estão concluídas (diálogos, ruídos, música etc.) acompanha a mixagem e a cópia final para exibição. Um filme pode ser realizado em 6 meses: da criação do roteiro, passando pela preparação, filmagens e finalização. Para exercer esta função, o profissional deve freqüentar uma escola de cinema ou de comunicação na especialidade, visando futuramente, através de estágios, conseguir a prática e a formação necessárias para dirigir o seu primeiro filme. Uma das carreiras de acesso à direção é a assistência de direção.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s